Covid-19

COVID-19

Rua Rio Grande do Norte, 1000 | (43) 3471-1950 | 0800-649-3472 | administracao@ivaipora.pr.gov.br
Acessibilidade

Abastecimento

Prefeitura de Ivaiporã finaliza revitalização das nascentes na Bacia Pindaúva e garante aumento de vazão e qualidade da água

Quinta-feira, 09 de setembro de 2021

Última Modificação: 09/09/2021 09:42:19 | Visualizada 564 vezes

Independente da crise hídrica a gestão Carlos Gil e Marcelo Reis retomou a execução do programa Cultivando Água Limpa.


Ouvir matéria

Enquanto 13 cidades do Paraná estão em alerta devido à seca a Prefeitura de Ivaiporã reforça o programa Cultivando Água Limpa, que foi lançado, em 2015, pela 1ª gestão Carlos Gil, e desenvolvido pelo Departamento de Meio Ambiente e Serviços Urbanos, recuperando as nascentes e matas ciliares. O programa foi interrompido entre 2017 e 2020.

Conforme dados do Departamento de Meio Ambiente e Serviços Urbanos foram revitalizadas 15 nascentes em 5 propriedades na Bacia do Pindaúva, onde a vazão passou de 6.114 litros/hora para 11.097 litros/hora de água.

Independente da crise hídrica a gestão Carlos Gil e Marcelo Reis retomou a execução do programa Cultivando Água Limpa por entender que promove diversos benefícios à população. “O programa ajuda no aumento do volume de água no Rio Pindaúva, que chega mais limpa à Estação de Tratamento da Sanepar. Além disso, significa economia no uso de produtos químicos e garante o abastecimento em tempos de estiagem”, afirmou Carlos Gil, que garantiu a continuidade do programa durante a gestão 2021/2024.

Entre 2015 e 2016, foram revitalizadas 90 nascentes em 38 propriedades, o que ajudou a evitar que a população do município de Ivaiporã sofresse com falta de água em 2018, 2019, 2020 e 2021. O município continua garantindo abastecimento de água com monitoramento constante feito pelo Sanepar no Rio Pindaúva.

O gerente geral da Sanepar na Região Nordeste, Antônio Gil Gameiro, enalteceu a importância do programa Cultivando Água Limpa pela melhoria nas nascentes, aumento da mata ciliar e da qualidade da água do Rio Pindaúva. “Com a revitalização aumentou a quantidade de água ou pelo menos está menos crítica em ralação às demais bacias do Estado. Portanto, vale a pena investir em preservação ambiental”, declarou Antônio Gil Gameiro, informando que a Sanepar faz acompanhamento integral para garantir o abastecimento.

Além de revitalizar as nascentes a Prefeitura de Ivaiporã distribui mudas nativas entre os donos das propriedades onde o programa Cultivando Água Limpa é permitido ser executado. “As matas ciliares formam um conjunto de árvores, arbustos, capins, cipós e flores que crescem às margens dos rios, lagos e nascentes. Onde há matas ciliares são consideradas áreas de preservação permanente pelo Código Florestal Brasileiro”, explicou a diretora do Departamento de Meio Ambiente e Serviços Urbanos, Denise Kusminski.

 

Seca

Segundo a Sanepar, 13 cidades paranaenses estão em alerta pela seca: Santo Antônio da Platina, Ibaiti, Quatiguá, Siqueira Campos, Carlópolis, Jacarezinho, Goioerê, Iretama, Medianeira, Catanduvas, Três Barras do Paraná e Santa Tereza do Oeste.

Em 18 municípios há racionamento de água: Curitiba, Jandaia do Sul, Jardim Alegre, Pranchita, Santo Antônio do Sudoeste, Campina Grande do Sul, Almirante Tamandaré, Colombo, Quatro Barras, Pinhais, Piraquara, São José dos Pinhais, Mandirituba, Araucária, Campo Largo, Campo Magro, Itaperuçu e Rio Branco do Sul.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Ivaiporã - Lúcia Lima

 Galeria de Fotos

 Veja Também