Rua Rio Grande do Norte, 1000 | (43) 3471-1950 | 0800-649-3472 | administracao@ivaipora.pr.gov.br

Educação

Prefeitura de Ivaiporã inicia ano letivo com 2.780 alunos matriculados em 10 escolas e 11 CMEI

Segunda-feira, 06 de fevereiro de 2023

Última Modificação: 06/02/2023 16:56:02 | Visualizada 350 vezes

Alguns alunos da Escola Ignes de Souza Caetano assistem aulas na Comunidade Bom Pastor devido às obras de reforma e ampliação.


Ouvir matéria

Nesta segunda-feira, dia 6 de fevereiro, a Prefeitura de Ivaiporã iniciou o período mais aguardado pelos pais e alunos: ano letivo. São 2.780 alunos matriculados nas Escolas Municipais Bento Viana, Ivaiporã, Maria Diva, José Aparecido Peres – Alto Porã, Jacutinga, Leila Diniz, Carlos Lacerda, Dom João VI e João Pessoa, e nos 11 Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI) Senhora de Lourdes, Nova Porã, Bom Jesus, Santa Terezinha, Antônio Carlos Costa, Odete Brasil, José Fiorim, Paulo Freire, Maria Burato, Nossa Senhora Aparecida e Emília Kuroda. 

Na Escola Ignes de Souza Caetano, a Prefeitura executa uma grande obra de reforma e ampliação, e na Leila Diniz a reforma se aproxima da conclusão.

É por meio da Secretaria Municipal de Educação que a gestão Carlos Gil e Marcelo Reis trabalha para garantir acesso ao ensino de qualidade nas 10 escolas municipais e 11 CMEI. A qualidade inclui reforma e ampliação de estabelecimentos de ensino, uniformes escolares, merenda, apostilas do sistema Opet, aquisição de ônibus escolares e contratação de educadores infantis e professores.

 

Valorização

“Frequentar a escola proporciona outros benefícios que vão além da aprendizagem. Além disso, os educadores infantis e professores, que foram aprovados no concurso público, passarão por formação. Desta forma cumprimos a política de valorização profissional”, declarou o prefeito em exercício Marcelo Reis.

A coordenadora da equipe de assessoria pedagógica da Secretaria Municipal de Educação, Juscélia Sebold, disse que alguns alunos originários dos Estados de São Paulo, Santa Catarina e da Paraíba, por exemplo, foram matriculados na rede municipal de ensino. “Há famílias que conhecem Ivaiporã ou são transferidas por empresas, gostam do município, mudam de Estado e matriculam os filhos”, contou Juscélia Sebold.

Fonte: Assessoria de Imprensa - Lúcia Lima

 Veja Também