Rua Rio Grande do Norte, 1000 | (43) 3471-1950 | 0800-649-3472 | administracao@ivaipora.pr.gov.br

Meio Ambiente

Prefeitura de Ivaiporã e caçambeiros discutem destinação de restos de construção

Quinta-feira, 27 de maio de 2021

Última Modificação: 02/06/2021 16:54:10 | Visualizada 233 vezes

Restos de construção são depositados na vala desativada de uma jazida, que é explorada pela Prefeitura - conhecida como pedreira.


Ouvir matéria

O prefeito e vice-prefeito de Ivaiporã, Carlos Gil e Marcelo Reis, se reuniram com os caçambeiros para discutir a melhor maneira de destinar restos de construção civil e poda de árvores que são depositados na vala desativada de uma jazida, que é explorada pela Prefeitura – conhecida como pedreira.

A diretora do Departamento de Meio Ambiente, Denise Kusminski, explicou durante a reunião que a área onde são depositados resíduos sólidos da construção civil está saturada. Além disso, a licença ambiental – modalidade Simplificada vencerá em janeiro de 2022.

Entre janeiro e maio, as equipes técnicas do Departamento de Meio Ambiente e Conselho Municipal de Meio Ambiente analisaram a destinação final dos restos de construção civil e de poda de árvores.

Cada resíduo gerado é responsabilidade do gerador dar o destino final, conforme consta na Política Nacional de Resíduos Sólidos, por meio da Lei 12.305/2010.

Segundo Denise Kusminski, há empresários do município e da região interessados em licenciar áreas para descarte de resíduos de construção e de restos de vegetais. Apenas Apucarana – município mais próximo tem área licenciada. Mas o descarte se tornaria oneroso para os caçambeiros e a população.

O prefeito Carlos Gil falou sobre a Lei 12.305/2010, que estipula deveres da população; limpeza do lixo urbano que compete ao município; acerca do lixão que foi extinto na 1ª gestão – 2013/2016; e informou que a compostagem – anexa ao Aterro Sanitário começará a funcionar este ano.

No que refere à pedreira Carlos Gil acredita que poderá ser depositados restos de construção até agosto e vegetais até o final do ano. “Temos que escolher outro espaço e o município é parceiro da empresa que vier adquirir uma área para destinação final dos restos de construção civil e poda de árvores”, informou.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Ivaiporã - Lúcia Lima

 Galeria de Fotos

 Veja Também