Rua Rio Grande do Norte, 1000 | (43) 3471-1950 | 0800-649-3472 | administracao@ivaipora.pr.gov.br

Educação

Chefe da Casa Civil e prefeito de Ivaiporã entregam kits educacionais de robótica a escolas estaduais

Sexta-feira, 24 de setembro de 2021

Última Modificação: 24/09/2021 18:20:25 | Visualizada 342 vezes

Carlos Gil afirmou que a equipe do Governo do Estado se preocupa com a educação.


Ouvir matéria

O prefeito de Ivaiporã, Carlos Gil, participou da cerimônia de entrega dos kits educacionais de robótica a escolas estaduais dos municípios de Candido de Abreu, Godoy Moreira, Grandes Rios, Ivaiporã, Jardim Alegre, Manoel Ribas e São Pedro do Ivaí.

A cerimônia foi realizada no Colégio Estadual Barbosa Ferraz, onde o chefe do Núcleo Regional de Educação (NRE) de Ivaiporã, Valber Vinícius França Clarimundo, deu as boas-vindas aos membros do Governo do Estado, professores, deputados, prefeitos, vereadores e lideranças do município e da região.

A iniciativa faz parte do programa Robótica Paraná, que foi lançado em agosto. O investimento será de R$9,1 milhões e a estimativa é que, na 1ª fase do projeto, 10 mil alunos sejam beneficiados. O conteúdo do programa engloba programação de robótica básica, automação, conceitos de IoT (internet das coisas) e domótica – área relativa à integração de mecanismos tecnológicos em uma residência.

Os kits de robótica foram entregues aos 7 municípios pelo chefe da Casa Civil, Guto Silva, que estava acompanhado do deputado federal Sérgio Souza, deputados estaduais Alexandre Curi, Artagão Júnior, Cristina Silvestri e Evandro Araújo, assessor especial da Casa Civil, Miltinho Pupio, e do prefeito Carlos Gil, que representou o deputado estadual Ademar Traiano.

Carlos Gil afirmou que a equipe do Governo do Estado se preocupa com a educação, e sabe conduzir com maestria as medidas educacionais em decorrência da pandemia do coronavírus (Covid-19).

“Ivaiporã está muito bonita! E o que queremos? Polos regionais fortalecidos e oferecendo oportunidades para a população. Esperamos sair da fase da pandemia com a população vacinada para que as escolas voltem ao ritmo normal em 2022. Por isso, a educação e as matérias tradicionais devem se associar à tecnologia devido às necessidades de algumas profissões”, defendeu Guto Silva.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Ivaiporã - Lúcia Lima

 Galeria de Fotos

 Veja Também