Rua Rio Grande do Norte, 1000 | (43) 3471-1950 | 0800-649-3472 | administracao@ivaipora.pr.gov.br

Restrições

Secretaria Municipal de Educação de Ivaiporã entrega ovos de Páscoa sem açúcar e leite aos alunos de 0 a 3 anos

Quarta-feira, 05 de abril de 2023

Última Modificação: 05/04/2023 20:35:51 | Visualizada 1087 vezes

Os demais alunos da rede municipal de ensino também receberam ovos de Páscoa - somando cerca de 2.800.


Ouvir matéria

A Páscoa está chegando e muitos pais estão em busca de chocolates e doces típicos para presentear os filhos. Mas e quando há restrições alimentares?

A Secretaria Municipal de Educação de Ivaiporã deu um show de inclusão e decidiu distribuir ovos de Páscoa sem açúcar e leite para os alunos da rede municipal com idade entre 0 e 3 anos. Isso mesmo! Uma opção saudável para as crianças curtirem a data sem preocupações.

“Mantemos a tradição, que é a entrega de ovos de Páscoa. Este ano, adotamos um diferencial com o objetivo de seguir o programa de Educação Nutricional, que é desenvolvido nos Centros Municipais de Educação Infantil. Ou seja, os ovos de Páscoa entregues às crianças de 0 aos 3 anos não têm açúcar e nem leite – são ovos de alfarroba”, explicou a secretária municipal de Educação, Daiane Soares.

 

Educação alimentar

A iniciativa mostra a importância de oferecer opções alimentares que atendam às necessidades de diferentes grupos de pessoas. Além disso, a ação reforça o compromisso da administração pública em garantir o bem-estar dos alunos e promover uma educação alimentar mais saudável.

E o melhor de tudo é que os ovos de Páscoa entregues às crianças são de alfarroba – uma opção que substitui o chocolate tradicional. A entrega aconteceu no Centro Municipal de Educação Infantil Santa Terezinha e na Escola Municipal Leila Diniz, onde os professores ficaram encantados com a fofurice dos pequenos.

Os demais alunos da rede municipal de ensino também receberam ovos de Páscoa – somando cerca de 2.800.

Certamente, a ação inspirará outras instituições a proporcionar uma Páscoa mais saudável e inclusiva.

Fonte: Assessoria de Imprensa - Lúcia Lima

 Veja Também