Rua Rio Grande do Norte, 1000 | (43) 3471-1950 | 0800-649-3472 | administracao@ivaipora.pr.gov.br

Leis federais

1º Encontro de Cultura do Interior do Paraná reúne 62 municípios em Ivaiporã

Quinta-feira, 24 de agosto de 2023

Última Modificação: 24/08/2023 12:42:06 | Visualizada 741 vezes

Marcelo Reis deu as boas-vindas aos representantes dos 62 municípios e palestrantes, e parabenizou Luciane Baggio pela realização do 1º Encontro de Cultura do Interior do Paraná.


Ouvir matéria

A Secretaria Municipal de Cultura da Prefeitura de Ivaiporã realizou o 1º Encontro de Cultura do Interior do Paraná com representantes e entusiastas da cultura de 62 municípios para discutir temas relevantes para o setor. 

A cerimônia foi repleta de apresentações culturais, como o Petipá Ballet – Centro de Danças Olívia Hauptmann, que encantou o público com a Dança do Ventre Shaabi e o Jazz Funk Una Gata. Outro destaque foi o grupo Pé Vermelho, que tem como missão preservar o conhecimento sobre danças populares, folclore e tradições do Brasil.

Diversas autoridades participaram da abertura como o prefeito em exercício Marcelo Reis, presidente da Câmara de Vereadores, Edvaldo Montanheri (Sabão), vereadora Gertrudes Bernardy, vice-reitora da Universidade Estadual de Maringá (UEM), Gisele Mendes de Carvalho, juiz de Direito do Tribunal de Justiça do Paraná da Comarca de São João do Ivaí, Malcon Jackson Cummings, coordenadora do Sistema Estadual de Cultura, Inês Kiyomi Koguisse, presidente da Associação dos Municípios do Vale do Ivaí (Amuvi), Lauro de Souza Júnior – além da presença dos conselheiros estaduais de Cultura, Bruna Juliana Watts Oenning, Dhionatha Macena da Silva e Luiza Przwitowski Nogueira dos Santos, e dos agentes regionais de Cultura, Ana Paula Mariano dos Santos e Cezar Felipe Cardozo Farias.

 

Classe cultural

No decorrer da cerimônia, a secretária municipal de Cultura de Ivaiporã, Luciane Baggio, defendeu a importância da cultura, relatou a trajetória no setor e os esforços em prol da classe cultural em Ivaiporã. “Precisamos criar políticas públicas de cultura no interior do Estado com o objetivo de instruir os municípios a respeito da Lei Paulo Gustavo e fortalecer os nossos sistemas municipais de cultura”, declarou Luciane Baggio.

Marcelo Reis deu as boas-vindas aos representantes dos 62 municípios e palestrantes, e parabenizou Luciane Baggio pela realização do 1º Encontro de Cultura do Interior do Paraná. “Interiorizar a discussão da cultura nos deixa orgulhosos, porque era algo místico – especialmente em cidades pequenas. Afinal, a cultura é capaz de curar a nossa mente”, afirmou Marcelo Reis.

O evento incluiu palestras enriquecedoras. A vice-reitora da UEM, Gisele Mendes de Carvalho, abordou a relação da Lei Paulo Gustavo e as Ações Afirmativas para as Mulheres e Pessoas com Deficiência. A assessora de Articulação e Políticas de Inclusão, Isabel Cristina Rodrigues, apresentou a Lei Paulo Gustavo e as Ações Afirmativas para Povos indígenas, Comunidades Tradicionais, Populações Nômades e Povos Ciganos. O juiz de Direito, Malcon Jackson Cummings, explicou a Lei Paulo Gustavo e o Estímulo à Participação e ao Protagonismo nas Políticas de Ações Afirmativas, enquanto o secretário executivo da Associação Brasileira de Pesquisadores Negros, Delton Aparecido Felipe, apresentou a Lei Paulo Gustavo e as Ações Afirmativas para Negros, Povos de Terreiro, Quilombolas e Pessoas do Segmento LGBTQIA+.  

 

Reconhecimento

Victor Simião, secretário de Cultura de Maringá, garantiu que o 1º Encontro de Cultura do Interior do Paraná superou as expectativas. “Parabenizo a secretária Luciane Baggio por mobilizar 62 gestores de Cultura. Trata-se de uma ocasião muito importante, porque vivemos um momento de leis federais e precisamos executar recursos da Lei Paulo Gustavo”, afirmou Victor Simião.

O 1º Encontro de Cultura do Interior do Paraná, que incluiu a exibição do vídeo da secretária de Estado da Cultura, Luciana Casagrande Pereira Ferreira, foi um sucesso, proporcionando um espaço valioso para a discussão de políticas culturais, ações afirmativas e apresentações culturais – além de contribuiu para fortalecer a cena cultural no interior do Paraná e promover a diversidade cultural da região.

Fonte: Assessoria de Imprensa - Lúcia Lima

 Veja Também