Rua Rio Grande do Norte, 1000 | (43) 3471-1950 | 0800-649-3472 | administracao@ivaipora.pr.gov.br

21 de setembro

Prefeitura de Ivaiporã realiza II Congresso do Dia da Árvore com foco na preservação ambiental

Quinta-feira, 21 de setembro de 2023

Última Modificação: 21/09/2023 11:54:51 | Visualizada 179 vezes

O prefeito Carlos Gil, que nasceu no dia 21 de setembro, recebeu homenagem da secretária municipal de Meio Ambiente, Denise Kusminski, que lhe entregou uma orquídea


Ouvir matéria

Foi com o objetivo de conscientizar a população que a Prefeitura de Ivaiporã promoveu o II Congresso do Dia da Árvore, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, nesta quinta-feira, dia 21 de setembro, no Centro Cultural Olívia Hauptman, que foi especialmente decorado pela secretária municipal de Cultura, Luciane Baggio.

Além da decoração, foi exposto o protótipo de uma nascente – despertando a atenção das crianças para o programa Cultivando Água Limpa, que é executado pela Prefeitura há cerca de 10 anos.

No Brasil, o Dia da Árvore é comemorado com plantio de árvores em áreas urbanas e rurais, palestras sobre conservação florestal e ações de combate ao desmatamento.  

O palco solene do Centro Cultural Olívia Hauptman foi composto pelo prefeito Carlos Gil, vice-prefeito Marcelo Reis, vereadora Gertrudes Bernardy, chefe regional do IAT (Instituto Água e Terra), Maurílio Villa, e pelas secretárias municipais de Meio Ambiente, Assistência Social e Cultura – respectivamente Denise Kusminski, Silvana Zancanella Pessutti e Luciane Baggio.  

 

Dupla data

O prefeito Carlos Gil, que nasceu no dia 21 de setembro, recebeu homenagem da secretária municipal de Meio Ambiente, Denise Kusminski, que lhe entregou uma orquídea para celebrar a dupla data e por ser um defensor da natureza.

Este ano, Ivaiporã foi reconhecida pela fundação norte-americana Arbor Day Foundation e pela Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO/ONU) como Tree Cities of The World (Cidade Árvore do Mundo) por cumprir 5 critérios: Establish Responsibility (responsabilidade), Set the Rules (regras), Know What You Have (inventário e diagnóstico), Allocate the Resources (orçamento) and Celebrate Achievements (celebração do Dia da Árvore).

O certificado de Cidade Árvore do Mundo será entregue ao prefeito Carlos Gil e à secretária Denise Kusminski, nesta sexta-feira, dia 22 de setembro, no XXV Congresso Brasileiro de Arborização Urbana e IV Congresso Iberoamericano de Arborização Urbana, que acontecem em Maringá.

 

Nobre causa

O vice-prefeito Marcelo Reis parabenizou o prefeito Carlos Gil pelo aniversário, pela defesa da natureza e pelo certificado de Cidade Árvore do Mundo, e mencionou a importância das árvores por proporcionar ar puro, sombra e beleza.  “Podemos fazer a diferença e construir um futuro mais sustentável. Parabéns a quem se envolve nesta nobre causa”, reconheceu Marcelo Reis.

Emocionado, o prefeito Carlos Gil agradeceu pela homenagem, reforçou o compromisso com a preservação ambiental e mencionou a conquista do certificado de Cidade Árvore do Mundo. “Comemorar o Dia da Árvore é muito importante, porque oferece sombra, frutos e flores. Com o aquecimento global e a crise climática é imprescindível preserva o meio ambiente e os recursos naturais. É o que fazemos, por exemplo, executando o programa Cultivando Água Limpa, que impede fazermos racionamento de água. Além disso, precisamos reciclar mais e contar com o apoio da população”, alertou Carlos Gil.  

Denise Kusminski agradeceu às secretárias municipais de Assistência Social e Cultura, Silvana Pessutti e Luciane Baggio, pela grande parceria na concretização do II Congresso do Dia da Árvore, e à gestão Carlos Gil e Marcelo Reis por ter um olhar voltado especialmente à preservação ambiental.

O II Congresso do Dia da Árvore foi celebrado com alunos da rede municipal de ensino, estadual e particular, e incluiu caça ao tesouro no Parque Ambiental Jardim Botânico, entrega de mudas, apresentação cultural desenvolvida pela coreógrafa Evelin Ditikun e mostra de figurinos do projeto Fragmentos da Mata Atlântica: um elo social e ambiental, que demonstra a rica biodiversidade em prol das Unidades de Conversação: Estação Ecológica Faian e Parque Natural Mata do Placídio.

Fonte: Assessoria de Imprensa - Lúcia Lima

 Veja Também