Rua Rio Grande do Norte, 1000 | (43) 3471-1950 | 0800-649-3472 | administracao@ivaipora.pr.gov.br

41 anos de história

Sapecadão e Estádio voltam a pertencer ao patrimônio da Prefeitura de Ivaiporã, 13 anos após cessão de uso

Terça-feira, 27 de fevereiro de 2024

Última Modificação: 29/02/2024 18:11:43 | Visualizada 380 vezes

Sapecadão e Estádio voltam a pertencer ao patrimônio da Prefeitura de Ivaiporã, 13 anos após cessão de uso


Ouvir matéria

Após 13 anos, o Complexo Esportivo Leovegildo Barbosa Ferraz, que é conhecido como Sapecadão, e o Estádio Manoel Fernandes Silva voltaram a pertencer ao patrimônio da Prefeitura de Ivaiporã, nesta terça-feira, 27 de fevereiro.

Em março de 2011, Cyro Fernandes Corrêa Júnior (PT) – prefeito à época, assinou o termo de cessão de uso que permitia a Universidade Estadual de Maringá (UEM) utilizar as infraestruturas pelo período de 99 anos.

A solenidade, realizada no Sapecadão, reuniu o prefeito Carlos Gil (licenciado), prefeito em exercício Marcelo Reis, secretário municipal de Esporte, Silvio José (Silvinho), presidente da Câmara de Vereadores, Edvaldo Montanheri, vice-reitora da UEM, Gisele Mendes, diretor do Campus da UEM, Eduard Bendrath, chefe do Departamento de Ciências do Movimento Humano da UEM, Andreia Paula Basei, procurador jurídico da UEM, Geovanio Rossato, servidores públicos municipais e estaduais, equipe técnica, atletas e vereadores.

 

35 anos

Carlos Gil e Gisele Mendes assinaram o Termo de Gestão Compartilhada do Complexo Esportivo Leovegildo Barbosa Ferraz e do Estádio Manoel Fernandes Silva, regida pela Lei Federal 14.133/2021 e pelo Decreto Estadual 10.086/2022, visando o melhor aproveitamento dos espaços pela vigência de 35 anos.

O documento estabelece que UEM utilizará as infraestruturas para atividades de ensino, pesquisa e extensão – com prioridade para os cursos oferecidos no Campus da UEM, enquanto a Prefeitura poderá usufruir dos espaços nos horários não destinados às atividades acadêmicas, mediante acordo entre os departamentos responsáveis.

A Prefeitura e a UEM se comprometem a compartilhar responsabilidades, como despesas mensais de energia elétrica, água, segurança e manutenção das infraestruturas.

 

Paradesporto

Eduard Bendrath destacou a dimensão e a história do Complexo Esportivo Leovegildo Barbosa Ferraz por considerar importante ser valorizado em benefício da população. “Em breve, iremos inaugurar o Centro de Referência do Paradesporto, o que será muito importante para o esporte de Ivaiporã”, comentou o diretor do Campus da UEM.

A gestão compartilhada foi considerada pela vice-reitora Gisele Mendes como um grande benefício para Prefeitura e UEM. “Era muito difícil arcarmos com os custos de manutenção e complicado para a Prefeitura por não ter o Sapecadão e o Estádio Municipal à disposição da população”, reconheceu Gisele Mendes.

Emocionado. Assim estava Marcelo Reis com a reversão do patrimônio, parabenizando a visão esportiva da gestão Carlos Gil e da reitoria da UEM. “São 41 anos de história! E 13 anos após cessão de uso o Complexo Esportivo Leovegildo Barbosa Ferraz voltam a ser da população”, comemorou Marcelo Reis.

Carlos Gil afirmou que foi uma importante decisão tomada pela Prefeitura e a UEM, porque a Prefeitura pode voltar a investir em obras e a UEM reforçar as atividades esportivas. “Ivaiporã volta a ter o Sapecadão e o Estádio Municipal, onde iremos investir em acessibilidade – instalando elevador, substituindo a iluminação pública, reformando os vestiários e pavimentando com massa asfáltica. Inclusive temos os recursos liberados pelo deputado federal Sérgio Souza no valor de R$1.100.000,00”, informou Carlos Gil antecipando que a previsão é licitar a obra de asfalto em março.

 

Designação do Gestor e Fiscal

Para garantir a eficácia do termo, foram designados os professores Eduard Bendrath e Ricardo Carminato como gestor e fiscal, respectivamente, responsáveis por administrar o acordo desde a formalização ao cumprimento dos objetivos estabelecidos.

Assim, a Prefeitura de Ivaiporã e a UEM reforçam o compromisso com o desenvolvimento educacional e esportivo, promovendo o uso sustentável e compartilhado de recursos públicos em benefício da população.

Termo de Gestão Compartilhada: ANEXO

Fonte: Lúcia Lima - assessoria de imprensa

 Galeria de Anexos

 Anexo

 Veja Também