Rua Rio Grande do Norte, 1000 | (43) 3471-1950 | 0800-649-3472 | administracao@ivaipora.pr.gov.br

Voluntariado

Prefeitura de Ivaiporã e Hemonúcleo de Apucarana incentivam doação de sangue com apoio de parceiros

Quarta-feira, 08 de maio de 2024

Última Modificação: 08/05/2024 07:53:44 | Visualizada 98 vezes

As equipes receberam 60 voluntários que foram agendados previamente para a doação e realizados os procedimentos padrão


Ouvir matéria

Na luta incessante por salvar vidas, a Prefeitura de Ivaiporã, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, e o Hemonúcleo de Apucarana, realizaram mais uma campanha de Doação de Sangue, nesta terça-feira, dia 7 de abril, com apoio da Fatec, Coamo, Sicred, UEM e o Rotary Club.

Trata-se do projeto Sangue Bom, que foi criado, há 1 ano, como gesto de generosidade e solidariedade.  

As equipes receberam 60 voluntários que foram agendados previamente para a doação e realizados os procedimentos padrão – cadastramento, triagem clínica, coleta e lanche pós-doação.

O farmacêutico bioquímico da Vigilância Epidemiológica de Ivaiporã, Fabiano Ricardo da Silva, é um dos organizadores do projeto e citou a importância vital da doação de sangue. “É crucial para auxiliar pessoas que necessitam de transfusão – além de ajudar os hospitais e pacientes em situação de urgência”, explicou Fabiano Silva.

O Hemonúcleo de Apucarana desempenha um papel central na campanha, realizando a coleta de sangue a cada 2 meses. A ação é essencial para suprir as necessidades dos hospitais.

 

Cada bolsa: 4 vidas

Mário Laje, clínico geral do Centro de Saúde Dr. Carlos Henrique Hawthorne, ressaltou a importância da doação para o Hemonúcleo de Apucarana. “Sempre que pacientes necessitam de transfusões sanguíneas é ao banco de sangue que recorremos. Cada doador pode potencialmente salvar 4 vidas, o que é crucial em casos de acidentes e pacientes com hemorragias que frequentemente dependem de transfusões para sobreviver”, reforçou o médico.

Para a Fatec (Faculdade de Tecnologia do Vale do Ivaí), uma das parceiras do projeto, a participação na campanha é motivo de orgulho. Roni Ferreira, que é diretor acadêmico, disse que a campanha conta com a participação dos cursos da área da saúde – especialmente Biomedicina, que dá suporte aos idealizadores. “Doar sangue é um gesto nobre de solidariedade, porque pode contribuir com a vida do próximo”, afirmou Roni Ferreira. 

Mas a essência da nobre causa reside nos doadores, como Adilson Gomes, que compartilhou a experiência. “É a minha 1ª vez e considero muito importante salvar vidas. Na verdade, sempre tive vontade doar. Mas não doei antes por não conseguir conciliar o horário de trabalho. Desta vez, deu certo e estou feliz por ajudar quem necessita de transfusão”, garantiu Adilson Gomes. 

A campanha de doação de sangue é muito mais do que uma simples ação – representa o melhor da humanidade: o cuidado, a compaixão e a solidariedade.

Fonte:  Lúcia Lima - assessoria de imprensa

 Galeria de Fotos

 Veja Também